News Updates Portuguese World News

O Papa:”Saúde gratuita para todos, como na Itália”

TORONTO – “Um serviço de saúde gratuito que garanta um bom serviço acessível a todos”. O apelo do Papa começou na varanda do décimo andar da Policlínica Gemelli, em Roma, onde o Pontífice continua internado após uma intervenção cirúrgica, na semana passada.

Apesar da cirurgia ao cólon a que foi submetido, Bergoglio não quis  faltar ao Ângelus dominical de 12 de Julho e por isso apresentou-se na varanda acompanhado por alguns doentes, incluindo três crianças, para falar perante uma multidão de fiéis reunidos para a ocasião em frente ao hospital. Nestes dias de hospitalização, pude sentir mais uma vez a importância de um bom serviço de saúde, acessível a todos, como existe na Itália e noutros países, disse o Papa Francisco.

Um serviço de saúde gratuito que garante um bom atendimento para todos. Este precioso bem, não se pode perder. Devemos mantê-lo! E para isso, todos nos devemos comprometer, porque serve a todos e pede a contribuição de todos. Até na Igreja, às vezes acontece que alguma instituição de saúde, por má gestão, vai mal economicamente e o primeiro pensamento que nos ocorre é que se venda. Mas a sua vocação está na Igreja: não é ter dinheiro, é estar ao serviço e o serviço é sempre gratuito! “Não se esqueça: salve as instituições gratuitas”.

Depois, um pensamento para os mais pequenos. “Aqui estão algumas crianças amigas, doentes, porque sofrem as crianças? Porque sofrem os filhos, é uma questão que toca o coração: acompanhe-os com a oração e reze por todos os enfermos, especialmente aqueles que se encontram em condições mais difíceis: ninguém fica só, todos podem receber a unção da escuta, da proximidade, da ternura e cuidado!”

No final da recitação do Angelus, Francisco também fez um apelo pela situação no Haiti (onde nos últimos dias um comando assassinou o presidente Jovenal Moise, ao invadir a sua residência) na esperança de que o país deponha as armas e opte por uma convivência fraternal. A seguir lembrou que ontem na Itália, por iniciativa da Conferência Episcopal se celebrou o Domingo do Mar, recomendando que se cuide da saúde do mar: “Não ao plástico no mar!” – afirmou.

Por último o Papa recordou “quantos hoje, na Polônia, participam na peregrinação da família da Rádio Maria ao Santuário de Czestochowa” e saudou “os Beneditinos de todo o mundo” e desejou muitas felicidades a Europa “que esteja unida nos seus valores fundadores” na festa de São Bento, Abade e Padroeiro da Europa.

Leave a Reply


cnmng.ca ***This project is made possible in part thanks to the financial support of Canadian Heritage;
and Corriere.ca

“The content of this project represents the opinions of the authors and does not necessarily represent the policies or the views of the Department of Heritage or of the Government of Canada”