Community GTA Language Ontario Portuguese

Toronto vai comprar dezenas de novos elétricos da fábrica da Alstom em Thunder Bay

Um elétrico a circular na Dundas Street West, em Toronto. Foto: Luís Aparício

Toronto vai receber um financiamento de 360 milhões de dólares da parte dos governos federal e provincial para avançar com a compra de dezenas de novos elétricos. A cidade já havia aprovado a compra de 13 novos elétricos da fábrica da Alstom em Thunder Bay, em outubro, mas agora poderá avançar com a opção de compra de mais 47, com entrega dos veículos a partir de 2023.

O custo total será de 568 milhões de dólares, com o município de Toronto a assumir um pouco mais de um terço do custo do projeto (208 milhões de dólares) e os governos provincial e federal a contribuir com um montante de 180 milhões de dólares, cada.

O dinheiro federal é parte de um investimento de 12 mil milhões de dólares na rede de transporte público da área metropolitana de Toronto e Hamilton (GTHA, na sigla em inglês) que foi anunciado na terça-feira. A maior parte desse dinheiro, cerca de 10,7 mil milhões de dólares, foi reservado para a construção de quatro novos projetos de transporte rápido, incluindo a Ontario Line.

Durante uma conferência de imprensa, o presidente John Tory defendeu a importância do investimento que reforça a rede de elétricos da TTC, empresa de transportes públicos da cidade, sublinhando que “esta parceria de três vias vai garantir que 60 novos elétricos estarão a circular nas nossas ruas a partir de 2023”.

Toronto comprou anteriormente 204 elétricos da fábrica de Thunder Bay quando esta era operada pela Bombardier; todavia, esse pedido foi prejudicado por uma série de atrasos que forçaram o operador do sistema de transporte público de passageiros da cidade a reconstruir alguns dos seus veículos desgastados e em fim de vida, para acompanhar a procura do serviço.

A fábrica, no entanto, agora está a ser operada pela Alstom, depois que a empresa francesa comprou a totalidade da divisão ferroviária da Bombardier no ano passado. Esta quarta-feira, Tory expressou toda a sua confiança relativamente à capacidade da empresa para cumprir os termos do novo contrato.

Os novos elétricos fazem parte de uma estratégia mais ampla de aquisição de veículos que o conselho de administração da TTC aprovou em outubro, que também envolve a compra de 1422 novos autocarros elétricos, 522 novos veículos Wheel-Trans e 80 novas carruagens do metro. ■

Leave a Reply


cnmng.ca ***This project is made possible in part thanks to the financial support of Canadian Heritage;
and Corriere.ca

“The content of this project represents the opinions of the authors and does not necessarily represent the policies or the views of the Department of Heritage or of the Government of Canada”